01/11/2019 22:19:29
Política
Promotor pede que Justiça anule votação da Câmara que cassou prefeito de Canindé
Se pedido for aceito, prefeito Ednaldo da Farmácia pode reassumir mandato, do qual está afastado desde setembro
Arquivo Portal InfonetPrefeito cassado de Canindé de São Francisco (SE), Ednaldo Vieira Barros, mais conhecido como “Ednaldo da Farmácia”
Diego Barros

O prefeito cassado de Canindé de São Francisco (SE), Ednaldo Vieira Barros, mais conhecido como “Ednaldo da Farmácia” (PP), pode reassumir o mandato.

Isso pode ocorrer se a Justiça aceitar um pedido do Ministério Público Estadual (MPE/SE) de anulação da votação feita pela Câmara de Vereadores, no dia 23 de setembro deste ano, na qual 10 dos 11 vereadores decidiram pela cassação do mandato por supostas irregularidades na gestão.

O pedido do MPE/SE foi feito pelo promotor Emerson Oliveira Andrade ao juiz da Comarca de Canindé de São Francisco e ainda não tem prazo para ser analisado.

O impeachment do prefeito ocorreu a partir de um pedido protocolado na Câmara Municipal por um servidor público da cidade, que apontou supostas irregularidades, entre as quais as seguintes: fraude na compra de materiais hospitalares e farmacêuticos; ausência do repasse da contribuição previdência descontada na folha dos servidores; falta de repasse dos valores de empréstimos recolhidos na folha de pagamento dos servidores para as instituições financeiras.

Se o prefeito cassado reassumir, o presidente da Câmara de Vereadores de Canindé de São Francisco, o vereador Weldo Mariano, que assumiu a prefeitura, voltará ao comando do Poder Legislativo Municipal.

RELEMBRE O CASO

Por 10 votos a zero, vereadores cassam mandato do prefeito de Canindé de São Francisco

E-mail: [email protected]
Telefone: (82) 98162-1608

Correio Notícia - Portal de Notícias do Sertão de Alagoas - Mais informação pra você!. ©2020. Todos os direitos reservados.