Buscar

Notícias

Compartilhe:

Utilize o formulário abaixo para enviar ao amigo.

No Sertão, Gaeco combate a corrupção e desvio de dinheiro público no setor da saúde
Por Ascom - MPE/AL
Foto: Diego Barros/Arquivo

O Grupo de Atuação Especial no Combate às Organizações Criminosas (Gaeco) do Ministério Público do Estado de Alagoas, com o apoio da Polícia Militar, deflagrou, na manhã desta terça-feira (13), no Agreste de Alagoas, a operação Embolia. O objetivo foi cumprir um mandado de prisão temporária em face de ex-secretário de Articulação Política de um município localizado no Sertão alagoano, além de dois mandados de busca e apreensão para coleta de elementos relacionados às investigações na área da saúde. Dois contratos que somam cerca de R$ 250 mil são alvos da apuração.

Segundo as investigações conjuntas do Gaeco e da 4a Promotoria de Justiça de Santana do Ipanema, o ex-secretário municipal participou de fraudes cometidas por empresários do ramo de medicamentos, os quais teriam fornecido notas fiscais para uma determinada prefeitura sertaneja, sem o devido repasse dos remédios supostamente adquiridos. O município investigado, por sua vez, pagou grandes quantias para essas empresas responsáveis, sendo que parte dos valores foram destinados a agentes públicos, configurando o crime de corrupção.

Durante o cumprimento dos mandados, as diligências resultaram na apreensão, dentre outras coisas, de dispositivos eletrônicos e documentos. Tudo isso será levado para a sede do Gaeco para fins de análise por parte dos promotores de Justiça.

Embolia

O nome da operação, Embolia, remete à obstrução de vasos pelo deslocamento de um trombo (coagulação de sangue) até o local da obstrução. No caso da investigação, os agentes envolvidos geraram uma obstrução dos recursos públicos que, em vez de serem destinados à saúde, acabaram por culminar com o enriquecimento pessoal dos investigados.

A operação Embolia é um desdobramento da operação Sepse, anteriormente deflagrada pelo Gaeco. Após o estudo de tudo o que foi apreendido, das provas produzidas e da oitiva dos envolvidos, o Gaeco irá remeter o procedimento criminal ao Poder Judiciário.

Postada em 13/10/2020 09:00 | Atualizada em 14/10/2020 08:11
Comentários

Utilize o formulário abaixo para comentar.

Ainda restam caracteres a serem digitados.
CAPTCHA
Veja mais de Cidades

1

A casa caiu

Homem é preso com arma, dinheiro e droga escondida dentro de vaso sanitário em Piranhas

2

Reabertura

Governo de Alagoas anuncia retorno das aulas presenciais para o público adulto

3

Boletim atualizado

Com poucos casos novos de Covid-19, Delmiro pode zerar número de doentes ainda esta semana

4

Homenagem

Agora é lei. Estrada que liga São Sebastião a Penedo é denominada Hélio Nogueira Lopes

5

Flagrante

Homem não aceita fim de relacionamento, persegue ex e é preso em Olho D’água das Flores

6

Felinos da Caatinga

Duas jaguatiricas são achadas mortas em rodovias do Sertão de Alagoas em menos de 1 semana

1

Delmiro Gouveia

TJ/AL inicia julgamento de atos de improbidade administrativa contra Padre Eraldo

2

Carros, casas e empresas

Confira o patrimônio declarado à Justiça Eleitoral dos candidatos a prefeito de Delmiro

3

Região próspera

Inácio Loiola critica pesquisa sobre turismo que exclui região dos canions

4

Lista de bens

Justiça Eleitoral divulga patrimônio dos candidatos a prefeito de São José da Tapera

5

Europa e Alagoas

Inácio Loiola destaca voo inaugural entre Lisboa e Maceió e ressalta potencial turístico

6

Eleições 2020

Água Branca: defesa de Zé de Dorinha diz que ele está habilitado para disputa das eleições

1

Vítima da Covid-19

Ex-primeira-dama de Mata Grande, Cristina Brandão morre aos 60 anos de idade

2

Na BR-316

Acidente envolvendo três veículos deixa um morto e feridos entre Santana e Dois Riachos

3

Delmiro Gouveia

TJ/AL inicia julgamento de atos de improbidade administrativa contra Padre Eraldo

4

Infidelidade partidária

Pros retira candidatura a reeleição de vereador que declarou apoio a Zé de Dorinha

5

Lista de bens

Justiça Eleitoral divulga patrimônio dos candidatos a prefeito de São José da Tapera

6

Lei Ficha Limpa

Juiz eleitoral indefere candidatura de Moacir Vieira a prefeito de Pariconha