Buscar

Editorias

Compartilhe:

Utilize o formulário abaixo para enviar ao amigo.

Reforma trabalhista para dar mais emprego
Por Júlio César Cardoso*
Foto: Economia Uol

O relatório do senador Ricardo Ferraço (PSDB-ES) sobre o projeto da reforma trabalhista (PL 38/2017) foi rejeitado pela Comissão de Assuntos Sociais (CAS), em 30/06, por 10 votos contrários ao relatório e 9 a favor.

A comemoração descabida de grupos de senadores contrários à reforma trabalhista soa estranha diante de um Parlamento, que deveria primar pela execução de projetos de avanços trabalhistas e sociais.

O Brasil tem que caminhar para frente em todos os segmentos da vida nacional. Não podemos ficar desconectados dos avanços de países desenvolvidos.

A vibração de parlamentares contrariando a reforma trabalhista, apresentada pelo governo, expõe o lado do antagonismo político da oposição, bem como revela a face retrógada daqueles que ainda desejam continuar vivenciando a época de Getúlio Vargas. Há de haver, para a boa relação trabalhista, flexibilização no acordo entre empregado e empregador, visando ao interesse mútuo.

Não se pode mais olhar o empregador com a mesma ótica do período getuliano. Há muitos empregadores (pobres), levando com dificuldade os seus negócios, mas dando emprego a muita gente. É preciso que se modernizem as relações trabalhistas, para que exista mais emprego e legal, pois grande parte do trabalho informal é devido à rigidez da ultrapassada CLT e da inflexibilidade jurássica dos sindicatos trabalhistas.

Independentemente de posição político-partidária-governamental, já passa da hora de se atualizarem as relações entre patrões e empregados. O Brasil tem que se modernizar no campo trabalhista, sem olhar para as birras político-partidárias.

Observe o que relatou, em entrevista, o chef francês Erick Jacquin, ao responder acerca da falência de seu restaurante, em São Paulo.

- O ambiente de negócios no Brasil pesou em sua falência? Não fui o primeiro empreendedor a quebrar neste país, e, infelizmente, ainda vai haver muitas outras vítimas. Se os políticos, que tanto nos envergonham, não fizerem uma reforma trabalhista pensando nos pequenos empreendedores, em pessoas que têm talento mas pouco capital, o país não vai longe.

- Não é um subterfúgio relacionar seus problemas às questões políticas? A legislação trabalhista do Brasil é a maior vergonha do mundo. Cada funcionário é um processo trabalhista em potencial. Há juiz que dá ganho de causa a cinco, seis funcionários de uma vez, e ninguém vai verificar se há razões justas. Enfrentei o caso de um empregado que, com apenas um ano de casa, ganhou indenização de 300.000 reais. Nunca vi isso em nenhum país.

- A cozinha é um ambiente propício a esse tipo de problema? No calor de nossa profissão, é muito fácil de acontecer. Há sempre um advogado estimulando os funcionários a se unir contra o dono do restaurante. É normal? Não! Isso é um horror. Há muita gente querendo empregar e muita gente buscando emprego, mas ninguém quer se arriscar. Nunca mais vou assinar uma carteira de trabalho.

*Bacharel em Direito e servidor federal aposentado - Balneário Camboriú-SC

Postada em 28/09/2017 10:49
Comentários

Utilize o formulário abaixo para comentar.

Ainda restam caracteres a serem digitados.
CAPTCHA
Veja mais de Artigos

1

Em Santana do Ipanema

MP realiza audiência pública para a criação de Conselhos Municipais de Segurança

2

Meio ambiente

Semarh incentiva gestão participativa para uso das água do Canal do Sertão

3

Passa bem

Mulher que impediu sequestro do filho em São José da Tapera tem bala alojada no corpo

4

Em flagrante

Homem é preso pela Polícia Militar depois de ser encontrado com drogas em Água Branca

5

Através de parceria

1.400 famílias são beneficiadas com doação simultânea de alimentos

6

No clima bom

Perseguição policial resulta na prisão de homem e apreensão de revólver em Olivença

1

Wellington Santos

Quem será o novo secretário de Meio Ambiente de Delmiro Gouveia?

2

Jota Silva

Esposa de Luciano Aguiar é nomeada secretária-adjunta do Turismo, Cultura e Esporte

3

Lista completa

Conheça os secretários da gestão do prefeito interino de Mata Grande, Franklin Lou

4

No escuro

Eletrobras corta fornecimento de energia da sede da Prefeitura de Delmiro Gouveia

5

Avaliação

Gestão de Padre Eraldo em Delmiro Gouveia tem 91% de desaprovação, revela pesquisa

6

Quase R$ 5 mil

Filho adotivo do prefeito de Delmiro Gouveia sai da cadeia depois de pagar fiança

1

Violência

Homem é assassinado com vários disparos de arma de fogo em Major Izidoro

2

No escuro

Eletrobras corta fornecimento de energia da sede da Prefeitura de Delmiro Gouveia

3

Ao se apresentar

Polícia Civil prende acusado de matar “Luquinhas” e esfaquear mulher em Delmiro Gouveia

4

Polícia confirma

Homem morto em Major havia assassinado cuidador de cavalos em Olho D’água do Casado

5

Lista completa

Conheça os secretários da gestão do prefeito interino de Mata Grande, Franklin Lou

6

Acidente

Homem é socorrido depois de ficar ferido em batida entre carro e moto em Delmiro Gouveia