Buscar

Notícias

Compartilhe:

Utilize o formulário abaixo para enviar ao amigo.

Prazo para justificar o voto do 1º turno termina hoje
Justificativa para não votar deve ser feita pelo aplicativo e-Título. Para quem faltou no segundo turno, prazo vence em 28 de janeiro
Por G1
Para quem faltou no segundo turno, prazo vence em 28 de janeiro - Foto: Eduardo Ribeiro Jr./G1

Os eleitores que não votaram no primeiro turno das Eleições 2020 têm até 14 de janeiro para justificar a ausência para a Justiça Eleitoral.

Neste ano, por conta da pandemia, a justificativa deve ser feita pelo aplicativo e-Título ou por meio do Sistema Justifica. No caso de ausência no segundo turno, o prazo expira em 28 de janeiro.

Segundo o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), caso o eleitor não tenha smartphone ou acesso à internet, o processo pode ser feito, excepcionalmente, em qualquer seção eleitoral.

É possível justificar ausência em qualquer local de votação do país no dia da eleição e em postos da Justiça Eleitoral até 60 dias após cada turno. Caso o eleitor esteja fora do país, o cidadão tem até 30 dias contados da data de retorno ao Brasil.

A justificativa é válida somente para o turno ao qual o eleitor não compareceu. Assim, se ele deixou de votar no 1º e no 2º turno, terá que justificar a ausência em ambos, separadamente.

Prazos para justificativa
1º turno: 14 de janeiro.
2º turno: 28 de janeiro.

Download do e-Título
Android
iOS

Multa e consequências
O eleitor que não justificar a ausência dentro do prazo estipulado pelo TSE terá que pagar multa para regularizar a situação. A multa é de R$ 3,50 por turno.

Enquanto estiver em débito com a Justiça Eleitoral, ele não pode, por exemplo, tirar ou renovar passaporte, receber salário ou proventos de função em emprego público, prestar concurso público e renovar matrícula em estabelecimento de ensino oficial ou fiscalizado pelo governo – entre outras consequências.

Aquele eleitor que não votar por três eleições seguidas, não justificar nem quitar a multa devida terá sua inscrição cancelada. A regra não vale para eleitores que não são obrigados a votar, como analfabetos, maiores de 16 e menores de 18, e maiores de 70 anos.

Postada em 14/01/2021 07:50
Comentários

Utilize o formulário abaixo para comentar.

Ainda restam caracteres a serem digitados.
CAPTCHA
Veja mais de Política

1

PREOCUPANTE

Mais três moradores do Sertão morrem após contraírem Covid-19

2

BATALHA

Deputados destacam construção de creche na cidade de Batalha

3

MEDO

Gabriel Jesus fala sobre mudança de Guardiola: "Vontade de ganhar é a mesma"

4

FLAMENGO

Bruno Viana é regularizado, mas ainda não fará estreia pelo Flamengo

5

IMPOPULAR

Governo federal quer voltar com redução de salário por 4 meses, mas pagando até 2

6

CENSURA

CGU impõe mordaça de 2 anos a professores que criticaram Bolsonaro

1

Antônio Melo

Políticos no Sertão usam laranjas para comprarem carros-pipa e trocarem água por votos

2

NA CADEIA

Assaltantes que aterrorizavam no Sertão são presos pela PM em Maravilha

3

POLÊMICA

Secretário rebate denúncias e diz que não existe perseguição política em Belo Monte

4

Atenção!

É fake que Detran/AL vai multar motoristas que dirigem sem a máscara de proteção

5

Em flagrante

Após assalto a popular, agentes da SMTT perseguem e prendem suspeito em Delmiro Gouveia

6

Ação rápida

Suspeitos de assaltos em Canapi são presos com quase R$ 2 mil em ação policial em Inhapi

1

Exclusivo

“Tribunal da Morte” autorizou execução de coordenador da prefeitura de Pão de Açúcar

2

Crime bárbaro

Dono de lava a jato mata e simula sequestro de dono de funerária em Olho D'água das Flores

3

NA CADEIA

Assaltantes que aterrorizavam no Sertão são presos pela PM em Maravilha

4

Caso Gilmário

Identificado empregado de lava a jato que participou de homicídio e foi morto pela polícia

5

Desde quarta (24)

Empresário de Olho D’água das Flores que viajou para Bom Conselho está desaparecido

6

SORTE

Corretora de imóveis escapa de sequestro lutando com bandido em Delmiro Gouveia