Buscar

Notícias

Compartilhe:

Utilize o formulário abaixo para enviar ao amigo.

Desembargador Washington Luiz nega pedido do MPE para prisão de autoridades de Delmiro
Ele determinou que denunciados entreguem passaportes e apresentem-se uma vez por mês à sede da justiça na cidade
Por Diego Barros
Desembargador Washington Luiz Damasceno Freitas, do Tribunal de Justiça de Alagoas (TJ/AL) - Foto: Reprodução/Voney Malta

O desembargador Washington Luiz Damasceno Freitas, do Tribunal de Justiça de Alagoas (TJ/AL), negou o pedido de prisão das autoridades de Delmiro Gouveia feito pelo Ministério Público Estadual (MPE/AL) no final de setembro. A decisão do magistrado está publicada no Diário Oficial do Poder Judiciário da última sexta-feira (22).

“Indefiro o pedido de prisão preventiva formulado pelo Ministério Público, vez que, por ora, não constato a presença dos seus requisitos”, afirma o desembargador em sua decisão. Por outro lado, ele decretou algumas medidas cautelares aos denunciados.

São elas: comparecimento periódico, todo dia 30 de cada mês, perante a Secretaria da 1ª Vara de Delmiro Gouveia; proibição de manterem contato com pessoas relacionadas aos fatos narrados na denúncia (denunciados, testemunhas e empresas); proibição de ausentarem-se do país, sem autorização deste Relator, pelo tempo que perdurar eventual Ação Penal; entrega dos seus passaportes, no prazo de 48 (quarenta e oito) horas da publicação desta decisão.

O magistrado deu o prazo de 15 dias para que os denunciados apresentem resposta à denúncia e manteve o segredo de justiça do processo até apreciação do recebimento da denúncia.

Ele também autorizou o desmembramento do processo, mantendo os que possuem mandato eletivo para apreciação do TJ/AL, e enviou para a 17ª Vara Criminal da Capital para prosseguimento quanto aos demais denunciados.

Relembre o caso

O procurador-geral de Justiça de Alagoas, Alfredo Gaspar de Mendonça Neto, havia pedido ao Tribunal de Justiça de Alagoas a prisão preventiva do prefeito Eraldo Joaquim Cordeiro (PSD), dos vereadores Kel (PSB), Fabíola Marques (PSL), Kinho (PRP), Júnior Lisboa (MDB), Casa Grande (PPS) e Marcos Costa (MDB), ex-secretário de governo Sivinho, ex-vereador Valdo Sandes e o pregoeiro Bruno Constant Mendes Lobo. Além disso, foi pedido ainda o afastamento dos cargos de 57 integrantes e ex-integrantes da gestão municipal, incluindo secretários e o chefe de gabinete.

A denúncia ofertada pelo MPE/AL está datada do dia 26 de setembro deste ano e é referente à investigação de um esquema de fraude de licitação que teria desviado cerca de R$ 20 milhões dos cofres da prefeitura, fato pelo qual foram apreendidos vários documentos em uma operação deflagrada no dia 15 de março deste ano pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco).

Na ocasião foram cumpridos mandados de busca e apreensão no prédio da prefeitura e em outros setores da administração municipal. As provas coletadas são citadas na denúncia oferecida pelo MPE/AL ao TJ/AL em setembro, a qual aponta o prefeito como chefe de uma organização criminosa, com o objetivo de desviar dinheiro público.

Postada em 26/11/2019 01:47 | Atualizada em 27/12/2019 10:44
15 Comentários

Utilize o formulário abaixo para comentar.

Ainda restam caracteres a serem digitados.
CAPTCHA

Veja mais de Política




A privatização da Ceal/Eletrobras, que foi comprada pela Equatorial, trouxe benefícios para a população?

Sim
Não
 

CNTV

1

No Carnaval

Jovem é detido ao ser encontrado com dinheiro falso e drogas em Olho D’água das Flores

2

Bruno Mafra

Teologia da quarta-feira de cinzas/quaresma

3

Acidente

Homem morre depois de cair ao perder controle da direção de moto em Jaramataia

4

Acidente

Motociclista morre depois de bater em cavalo em trecho da AL-130 em São José da Tapera

5

Acidente

Batida entre motos deixa três pessoas feridas em trecho da AL-140 em Inhapi

6

Não resistiu

Morre uma das oito vítimas de acidente envolvendo carro e animal em Dois Riachos

1

Autoria desconhecida

Morador de Piranhas suspeito de chefiar quadrilha é encontrado morto em São José da Tapera

2

Senadinho

Pré-candidato a prefeito de Inhapi, Morcego é preferido pelo povo e impressiona Zé Cícero

3

Esporte e política

Na presença de Bolsonaro, Flamengo Antifascista ergue bandeira com rosto de Marielle

4

Confira

Concurso público de Delmiro Gouveia tem 200 vagas e provas serão aplicadas no mês de abril

5

Não resistiu

Morre uma das oito vítimas de acidente envolvendo carro e animal em Dois Riachos

6

Wellington Amâncio

1º Prêmio Literário Virgílio Gonçalves

1

Acidente

Batida entre motos deixa três pessoas feridas em trecho da AL-140 em Inhapi

2

Acidente

Homem morre depois de cair ao perder controle da direção de moto em Jaramataia

3

Violência

Homem natural de Água Branca é morto a tiros na cabeça enquanto trabalhava no Maranhão

4

Em flagrante

Jovem é preso durante festa de carnaval após ser encontrado com arma de fogo em Inhapi

5

Não resistiu

Morre uma das oito vítimas de acidente envolvendo carro e animal em Dois Riachos

6

Ação criminosa

Mulher é rendida e tem moto roubada por criminosos em estrada vicinal de Água Branca