Buscar

Notícias

Compartilhe:

Utilize o formulário abaixo para enviar ao amigo.

Polícia Federal confirma prisões e cita desvio de R$ 17 milhões da Educação de Canapi
Segunda fase da Operação Triângulo das Bermudas, denominada Operação Deusa da Espada, foi desencadeada em Canapi, Mata Grande, Santana do Ipanema e Maceió
Por Diego Barros
Cidade de Canapi - Foto: Arquivo/Correio Notícia

A Polícia Federal confirmou o cumprimento de três mandados de prisão, na manhã desta sexta-feira (12), para desarticular uma organização criminosa responsável por um prejuízo que chega a R$ 17 milhões, dinheiro oriundo do antigo FUNDEF (Fundo de Manutenção e Desenvolvimento do Ensino Fundamental e de Valorização do Magistério) e de outros programas do governo federal na área de Educação, que foi depositado pela União nas contas da prefeitura de Canapi, entre 2015 e 2016.

Entre os presos, está o ex-prefeito de Canapi, Celso Luiz (PMDB), que chegou a ser afastado do cargo em 2016. Dois ex-secretários da gestão dele também foram presos. Já o ex-vice-prefeito do município, Genaldo Vieira, que assumiu o cargo após o afastamento de Celso Luiz, também teve o mandado de prisão expedido, porém, ele não foi encontrado e é considerado foragido da Justiça.

A operação de hoje foi chamada de “Deusa da Espada”, em alusão a um dos símbolos místicos da Justiça, e faz parte da Operação Triângulo das Bermudas. As diligências para cumprimento dos mandados de prisão foram realizadas nos municípios de Canapi, Mata Grande, Santana do Ipanema e Maceió.

Em nota divulgada à imprensa, a PF afirma que “a organização criminosa vinha intimidando e cooptando testemunhas, com o propósito de dificultar as investigações empreendidas pela Polícia Federal”.

Confira abaixo a nota sobre a operação desta sexta-feira (12) divulgada pela PF.

NOTA À IMPRENSA – 2a. FASE DA OPERAÇÃO TRIÂNGULO DAS BERMUDAS: OPERAÇÃO DEUSA DA ESPADA

A Superintendência Regional da Polícia Federal em Alagoas desencadeou, na data de hoje (12/05/2017), a segunda fase da OPERAÇÃO TRIÂNGULO DAS BERMUDAS, denominada "OPERAÇÃO DEUSA DA ESPADA" - em alusão a um dos símbolos místicos da Justiça - com o cumprimento de 03 (três) Mandados de Prisão Preventiva, através de diligências realizadas nos municípios de Canapi/AL, Mata Grande/AL, Santana do Ipanema/AL e Maceió/AL.

Um quarto Mandado de Prisão não foi cumprido até o momento, uma vez que o investigado não foi encontrado até o momento, estando em local incerto e não sabido.

A ação objetiva desarticular uma organização criminosa responsável por um prejuízo que chega a R$ 17 milhões, dinheiro oriundo do antigo FUNDEF (Fundo de Manutenção e Desenvolvimento do Ensino Fundamental e de Valorização do Magistério) e de outros programas do governo federal na área de educação, que foi depositado pela União nas contas da prefeitura de Canapi/AL entre 2015 e 2016.

Além dos desvios que foram apurados na primeira fase da operação policial, constatou-se a continuidade das ações criminosas a cargo do grupo, a partir da liberação de valores remanescentes do fundo nos últimos dias da gestão do ex-prefeito do citado município, o qual assumira a gestão da cidade após afastamento do seu antecessor, determinado judicialmente. Mandados de prisão foram expedidos contra ambos, além de dois ex-secretários municipais que também participaram dos desvios, consoante apurado no inquérito policial instaurado pela PF em maio de 2016.

Apurou-se, ainda, que a ORCRIM vinha intimidando e cooptando testemunhas, com o propósito de dificultar as investigações empreendidas pela Polícia Federal.

Foi utilizado um efetivo de 20 policiais federais da Superintendência Regional da PF de Alagoas para execução das medidas judiciais, determinadas pela Exma. Juíza Camila Monteiro Pullin Milan, Titular da 11a. Vara da JFAL, subseção judiciária de Santana do Ipanema/AL.

Os presos serão conduzidos à Superintendência Regional de Polícia Federal em Alagoas.

LEIA MAIS:

Ex-prefeito de Canapi, Celso Luiz é conduzido pela Polícia Federal para prestar depoimento

Fantástico exibe reportagem sobre corrupção em Canapi e Celso Luiz é citado como "coronel"

Postada em 12/05/2017 10:53 | Atualizada em 12/05/2017 13:50
Comentários

Utilize o formulário abaixo para comentar.

Ainda restam caracteres a serem digitados.
CAPTCHA
Veja mais de Polícia

1

Sergipe

Instrutor morre após paraquedas falhar durante aula na praia da Cinelândia em Aracaju

2

Antônio Melo

Podcast: a falta de uma oposição de verdade no Sertão

3

TENTATIVA

SBT confirma estreia de Três Vezes Ana: novela que fracassou no México

4

COMEMORAÇÃO

Guaraná Antarctica faz 100 anos e lança 6 sabores especiais

5

FISCALIZAÇÃO

Google vai exigir verificação de perfis que fazem anúncios políticos

6

Delmiro Gouveia

Homens são presos após mulher encontrar móveis furtados da casa dela à venda em loja

1

Violência

Motorista de ambulância é assassinado a tiros na porta de maternidade em Inhapi

2

No Centro Histórico

Justiça Federal proíbe Prefeitura de Piranhas de expedir alvarás de construções

3

Reagiu a prisão

Homem com mandado de prisão em aberto morre em confronto com policiais em Pão de Açúcar

4

DESAFORAMENTO

Será em Arapiraca julgamento de suspeito de matar vereador Fernando Aldo, de Delmiro

5

Em Flagrante

Vereador de Jacaré dos Homens é preso após deflagrar tiros próximo do Cisp em Batalha

6

ROUBO

Mulher tem moto roubada após estacioná-la em frente a bar em Delmiro Gouveia

1

Violência

Motorista de ambulância é assassinado a tiros na porta de maternidade em Inhapi

2

Violência

Homem natural de Inhapi é assassinado a tiros durante vaquejada em Paulo Afonso (BA)

3

Violência Contra a Mulher

Ao ser espancada por 2 homens, mulher fingiu que estava morta para sobreviver em Batalha

4

Ao sair de bingo

Motociclista morre ao ser atingido por carro na rodovia AL-140, em Inhapi

5

Vingança?

Suspeito de dois homicídios é morto a tiros em emboscada entre Mata Grande e Inajá

6

Violência Contra a Mulher

Homem arrasta ex-mulher pelos cabelos até o meio da rua e tenta matá-la em Inhapi