Buscar

Notícias

Compartilhe:

Utilize o formulário abaixo para enviar ao amigo.

TJ adia pela quinta vez e marca para dezembro julgamento do prefeito de Monteirópolis
Prefeito Maílson Mendonça é réu em processo de improbidade administrativa; ele já foi condenado em primeira instância, mas recorreu ao TJ, que vem adiando o julgamento desde janeiro deste ano
Por Jota Silva
Prefeito de Monteirópolis, Maílson de Mendonça Lima (PR) - Foto: Cortesia/Luciano Martins

O Tribunal de Justiça de Alagoas (TJ/AL) adiou mais uma vez o julgamento do processo que tem como réu o prefeito de Monteirópolis, Maílson Mendonça (PR). É o quinto adiamento somente este ano. Agora, o julgamento está marcado para dezembro.

Desta vez, o motivo, segundo informou ao Correio Notícia a Assessoria de Comunicação do Tribunal, é que o desembargador Tutmés Airan estará de férias em novembro.

O julgamento no TJ/AL já tinha sido marcado para 14 de agosto, 6 de setembro, 11 de setembro, 9 de outubro, 16 de outubro e agora está previsto para dezembro.

O prefeito de Monteirópolis é acusado pelo Ministério Público Estadual (MPE) de fazer parte de um esquema de emissão de notas fiscais frias para desvio de dinheiro público que deveria ser investido em obras.

Os supostos atos de improbidade administrativa ocorreram quando Maílson esteve pela primeira vez como prefeito do município, entre 2007 e 2012. O prefeito já foi condenado em primeira instância nesse mesmo processo pelo juiz Bruno Acioli Araújo, da Comarca de Olho D’água das Flores, em 2014.

No julgamento no TJ/AL, em dezembro deste ano, a sentença do juiz pode ser confirmada pelos desembargadores ou revogada, inocentando o prefeito Maílson.

Porém, mesmo que seja condenado pelo Tribunal, o prefeito ainda pode recorrer ao próprio TJ/AL e também ao Superior Tribunal de Justiça (STJ), em Brasília.

Somente após recorrer a todas as instâncias e após o trânsito em julgado de todo o processo é que as penalidades, caso sejam confirmadas, serão aplicadas, o que poderá resultar até na perda do mandato atual de prefeito. Nesse caso, o cargo seria assumido pelo vice-prefeito, Adeildo Inácio Medeiros (DEM).

O processo que será julgado pelo TJ/AL, em dezembro, tem como número 0000234-27.2010.8.02.0025.

Postada em 11/10/2017 11:43
3 Comentários

Utilize o formulário abaixo para comentar.

Ainda restam caracteres a serem digitados.
CAPTCHA

Veja mais de Política

1

André Henrique

Ex-jogador do Ipanema é assassinado a tiros em Porto Alegre

2

Vítima da violência

“Me pegaram por engano”, afirma homem sequestrado na zona rural de Delmiro Gouveia

3

Afogado

Adolescente morre após desequilibrar-se e cair dentro do Canal do Sertão em Delmiro

4

Na Barragem Leste

Homem com passagens pela polícia por tráfico de drogas é sequestrado em Delmiro Gouveia

5

Futebol amador

Vasco e Ituano vencem na terceira rodada e somam seis pontos no Campeonato Pariconhense

6

Delmiro Gouveia

Juiz julga improcedente acusação de crime eleitoral contra Padre Eraldo, Gabriel e Cacau

1

Ex-vereador

Ministério Público, Polícia Civil e Seris negam que Júlio Brandão tenha se entregado

2

Disputa reeleição

“Quando Lula está na prefeitura, a cidade cresce”, diz Olavo Calheiros em Delmiro

3

Período definido

Concurso da Câmara de Vereadores de Delmiro terá inscrições abertas no dia 17 deste mês

4

Consta no edital

Taxas de inscrições do concurso da Câmara de Vereadores de Delmiro custam até 80 reais

5

Juliano Rodrigues

Thiago Alagoano é regularizado e já pode estrear pelo novo clube, o Inter de Lages

6

Tráfico de drogas

Operação resulta na prisão de ex-diretor dos transportes da Educação de Delmiro Gouveia

1

A mão armada

Jovem é rendido e tem moto roubada por criminosos enquanto chegava em casa em Água Branca

2

"Velho conhecido"

Jovem natural de Delmiro é preso acusado de tráfico de drogas em São José da Tapera

3

Período definido

Concurso da Câmara de Vereadores de Delmiro terá inscrições abertas no dia 17 deste mês

4

Na "fazendinha"

Homem é hospitalizado depois de ficar ferido em troca de tiros com a polícia em Piranhas

5

Na madrugada

Populares conseguem frustrar tentativa de furto em loja de confecções em Delmiro Gouveia

6

Ex-vereador

Ministério Público, Polícia Civil e Seris negam que Júlio Brandão tenha se entregado