Buscar

Wellington Amâncio

Compartilhe:

Utilize o formulário abaixo para enviar ao amigo.

Quem é Wellington Amâncio ? Professor, fotógrafo, escritor e músico; mestre em Ecologia Humana e Gestão Socioambiental pela UNEB; especialista em Ensino de Filosofia (UCAM); graduado em Pedagogia e em Filosofia (UNEB).
“Ser-Branco”: o novo disco de Sávio Noras, de Água Branca
Foto: Tiago Oliveira e David Coimbra

O “Ser-Branco” é um grito, um sintoma de uma efervescência cultural, uma avaliação, um lance ao futuro da arte água-branquense. O EP é uma produção nascida num momento de fertilidade artística na cidade de Água Branca, e ao mesmo tempo é uma anunciação desse tempo, ou pelo menos um rugir contra os horizontes do futuro para que o eco da minha voz construa novas vivências com a cidade e sua fonte artística. Pois, se tenho um sonho, esse é transformar Água Branca numa grande feira artística a céu aberto: a cidade da arte!

No Ep eu misturo Poesia metalingüística parida no berço do que chamo de “O eterno artístico aguabranquense”, isto é, o fenômeno de Ser água-branquense; de como a cidade Água Branca porta uma pré-disposição à criação artística. As poesias e músicas exploram, como também são, em si, a própria manifestação do eterno artístico. As narrativas giram em torno do personagem perspectivando sua própria existência, seu movimento no mundo e sua finitude, sempre ancorado no seu espaço originário, entre as caatingas e serras.

A história de Água Branca é a história da arte no Sertão Alagoano. Desde que se sucedeu vida nessas terras, a força criativa do mundo mostrou-se em plena liberdade aqui. Os ventos ininterruptíveis das serras e suas terras pretas, como que carrega a própria fórmula da vida, fabricaram um tipo de humano, os atravessando, com um potencial imenso. As famílias endinheiradas que vieram aqui explorar toda essa potência, no século XVIII, acabaram por trazer influências culturais exteriores, uma delas a matriz arquitetônica Neo-clássica em pleno desenvolvimento na Europa, que até hoje se encontra intacta no esplendoroso “Centro histórico”, e aqui destacamos nossa linda Igreja matriz Nossa Sra da Conceição.

Esta arquitetura transporta todo santo dia, por mais de um século, a percepção dos detalhes das coisas do mundo; cria um vínculo entre os olhos dos água-branquenses, serreiros-caatingueiros, e a profundidade artística. Crescemos em meio a essas curvas, aos sinos gigantes, as pedras alocadas pela força negra dos escravos e polidas pelo tempo durante séculos no centro histórico, aos cadernos grafados de cantos gregorianos, de iguais destes que tocavam antes da Santa missa celebrada pelo Pe. Rosevaldo. Um povo místico, cheio de religiosidade.

O clima misto, entre a caatinga e as serras é o prisma do Ser-aguabranquense. A neblina leva os cidadãos ao “estado branco”, de melancolia. A caatinga, sua maior parcela geográfica, reflete a forte ligação do água-branquense com a natureza: Os sabiás, as veredas, as matas brancas.

Tudo isso dá forma ao movimento água-branquense, um movimento torto, errante, criativo, profundíssimo, puro interiormente e jogado ao exterior, isto é, cultural (kutur). É a terra molhada e o branco da neblina rodiada pela mata branca, a caatinga. O Eterno-artístico sai à luz do dia e se põe a cavalo rasgando o ventre secular da cidade.

Por: Sávio Noras

Postada em 06/11/2020 10:55 | Atualizada em 06/11/2020 10:58
2 Comentários

Utilize o formulário abaixo para comentar.

Ainda restam caracteres a serem digitados.
CAPTCHA

Utilize o formulário abaixo para enviar ao amigo.

O site Correio Notícia - Portal de Notícias do Sertão de Alagoas não se responsabiliza pelos conteúdos publicados nos blogs dos seus colaboradores.
Veja mais de Wellington Amâncio

1

Após denúncia

Adolescente é apreendido ao tentar furtar materiais de obra em São José da Tapera

2

Recomenda não nomear

Confederação emite parecer jurídico sobre nomeação de aprovados em concurso público

3

Jairo Ribeiro

Vídeo: Especialista comenta situação de concurso de Major Izidoro e Pão de Açúcar

4

Jairo Ribeiro

Vídeo: Advogado especialista comenta situação de concurso de Major Isidoro e Pão de Açúcar

5

Jairo Ribeiro

Vídeo: Advogado especialista comenta situação de concurso de Major Isidoro e Pão de Açúcar

6

Jairo Ribeiro

Vídeo: Advogado especialista comenta situação de concurso de Major Isidoro e Pão de Açúcar

1

Troca de tiros

Operação policial termina com dois criminosos mortos e policial ferido em Delmiro Gouveia

2

SEM EFEITO

Jorge Dantas torna sem efeito convocação de aprovados em concurso de Pão de Açúcar

3

Boletim atualizado

Mais uma morte e 19 novos casos de Covid-19 são registrados em Delmiro Gouveia

4

MUDANÇAS

Nova portaria muda regras para PRF atuar em operações conjuntas

5

EXECUÇÃO

Polícia tem pistas de matadores de coordenador de transportes da Saúde de Pão de Açúcar

6

CONDENAÇÃO

Justiça condena ex-prefeito de Monteirópolis acusado de corrupção a 13 anos de prisão

1

Após investigação

Operação prende três pessoas e apreende drogas e armas de fogo em Inhapi e Piranhas

2

Trabalho de inteligência

Dois suspeitos de assassinar dependente químico em estrada de Mata Grande são presos

3

ACHADO

Cadáver de homem desconhecido é encontrado por populares no Distrito do Piau em Piranhas

4

Acidente

Motorista colide carro que conduzia quando chegava em motel em Olho D'água das Flores

5

CONDENAÇÃO

Justiça condena ex-prefeito de Monteirópolis acusado de corrupção a 13 anos de prisão

6

Boletim atualizado

Mais uma morte e 19 novos casos de Covid-19 são registrados em Delmiro Gouveia